Home / Casos de sucesso de Estratégia Digital /

Coaching: Como mudar de vida em 6 etapas

Coaching: Como mudar de vida em 6 etapas

 

Já sabe o que é o coaching? De forma sucinta, é um processo que se propõe a ajudar aqueles que não sabem como mudar de vida: seja numa volta de 180 graus, ou na realização de pequenos ajustes a aspetos que o estão a impedir de ser bem-sucedido.

A verdade é que, apesar da palavra “coaching” estar nas bocas do mundo, são poucos aqueles que sabem realmente do que se trata. O desconhecimento do processo faz com que haja até algum ceticismo em relação à sua eficácia do coaching.

Conrado Adolpho está de regresso a Portugal para realizar a primeira Masterclass Clicksummit em Lisboa no início de Julho. Clique AQUI para fazer a sua INSCRIÇÃO AGORA.

conrado-curso8ps-portugal

Por oposição, são cada vez mais os empresários individuais ou empresas que apostam nestes serviços para aumentar a produtividade e o sucesso. Mas o que faz  um coach? O objetivo do coach – o treinador – é ajudá-lo é olhar para si como um todo, perceber de que forma é que uma coisa influencia a outra e levantar as questões certas no momento certo.

De uma coisa, não há dúvidas: o ser-humano é complexo. Ao longo das nossas vidas, desempenhamos diferentes papéis e todos concordamos que, por vezes, é difícil conciliar o papel de profissional com o de marido, pai e amigo.

Mas, qual é esse processo milagroso que o vai fazer mudar a sua vida? Afinal, o que se faz numa sessão de coaching? Se é um pouco cético quanto à eficácia do coaching, pois este é o artigo indicado para si. Continue a ler e encontre as respostas para estas perguntas.

remindset

Como mudar de vida: o processo

Uma das questões mais comuns é a seguinte: mas como é que alguém que não sabe nada da minha vida ou da minha profissão me pode dizer como mudar de vida? Pois, um dos princípios basilares do coaching é que todos nós possuímos a resposta para os nossos próprios problemas. No fundo, só precisamos de alguém que nos faça refletir.

Mas, não podemos fazer essa reflexão em casa? Claro que sim, mas como qualquer outra pessoa sem formação na área, você vai ter dificuldades em ver o cenário todo (uma vez que está intimamente envolvido com ele) ou vai ser incapaz de estabelecer ligações lógicas entre coisas que parecem nada ter a ver umas com as outras.

No fundo o coach funciona como alguém que – com os exercícios, palavras e diálogos certos – consegue puxar o melhor de si, identificando o problema para que depois, juntos, possam encontrar a solução.

O processo de coaching varia de pessoa para pessoa e cada coach pode utilizar técnicas específicas. Ainda assim, de uma forma geral, quando falamos de coaching podemos identificar 6 etapas. Ora,  vejamos cada uma delas.

1 – Expectativas

O primeiro passo é definir as expectativas. Na fase inicial, o coaching pode ser equiparado a um serviço: é necessário negociar e definir, à partida, aquilo que as pessoas esperam das sessões. Se falarmos de um empresário, o objetivo pode ser aumentar a produtividade individual ou acabar com as horas extra. Quando falamos de coaching pessoal, o objetivo pode ser, por exemplo, emagrecer.

Cabe depois ao coach interpretar as expectativas e perceber a real extensão das mesmas: será que o empresário só quer aumentar a produtividade para ganhar mais dinheiro, ou está com problemas em casa porque investiu dinheiro pessoal e a empresa está a dar prejuízo? Como referimos, todas estas questões são respondidas através do diálogo.

Você sabia que o WeLabs agora é Escola de Negócio 8Ps?

escola-de-negocios-conrado-adolpho

2 – Avaliar o impacto

Depois de identificar os problemas e os objetivos é necessário compreender os sonhos e relacioná-los com a busca por um sentimento ou sensação. Se um empresário tivesse mais dinheiro, será que se iria sentir mais confiante e seguro? Ou será que aquilo que ele busca é reconhecimento social? E se eliminarmos um determinado fator, será que conseguimos alcançar o objetivo?

 

3 – Exercícios e tarefas

O coaching tem muito de psicossociologia. Para que o processo seja eficaz, é necessário que o coach seja capaz de estabelecer uma relação que seja em simultâneo profissional e ainda assim próxima com o seu cliente. É importante que ele esteja à vontade para falar consigo e para lhe revelar os seus problemas.

É, de resto, normal que na altura de fazer alguns exercícios, os coaches – clientes – se sintam ligeiramente intimidados ou fiquem reticentes porque acham que tudo o que dizem e fazem está a ser avaliado. Como gesto de confiança, o coach pode dar o exemplo e demonstrar como algo se executa.

4 – Observar

Embora deva evitar ser extremamente invasivo, o coach tem como missão acompanhar o processo de mudança do seu cliente. Como toda a gente sabe, ninguém muda comportamentos do dia para a noite: é necessário ter consciência do problema e contrariá-lo de forma racional para que, depois, este deixe de se tornar estranho.

Uma dos métodos usados é que o próprio coachee escolhe como quer ser controlado. Mais uma vez, é necessário à vontade para que possa haver um diálogo frutífero, que permita mensurar os avanços e recuos de todo o processo.

5 – Feedback

Mas isto do coaching é só observação? Não, no processo de coaching, o feedback é fundamental. É importante que o coachee sinta que está a fazer algo bem ou mal. Mesmo que seja positivo, o feedback não deve ser dado sob a forma de extremamente exagerada. Em vez disso, deve ser específico: o objetivo foi ou não foi cumprido.

Durante o processo, o coach evita qualquer tipo de julgamento e há uma coisa muito importante: o foco deve estar sempre no futuro, independentemente da ação negativa ou positiva que possamos ter feito no passado.

6 – Sugestões

Esta fase do processo é extremamente importante: tanto o coach como o coachee devem estar sempre abertos as sugestões. O diálogo e a negociação é extremamente importante para conseguir fazer juízos otimizados que vão surtir um maior ou menos efeito. Em simultâneo, a abertura para fazer sugestões faz com que o cliente se sinta mais ativo no processo de mudar a sua própria vida. E, afinal, é ele que tem as respostas.

Remindset: A mentalidade de um empreendedor

Para o ajudar a mudar a forma como pensa e redirecionar a sua mente para o sucesso, Conrado Adolpho e Caroline Calaça criaram um curso chamado Remindset. O curso é online e destina-se a todos os empreendedores que querem mudar as suas empresas e libertar todo o seu potencial oculto.

Este é um curso de desenvolvimento pessoal inovador que consiste numa série de vídeo-aulas onde os dois especialistas da área dos negócios e do desenvolvimento pessoal lhe dão a fórmula para eliminar as objeções que o impedem de ser bem-sucedido. Não perca tempo, clique aqui e crie as suas próprias oportunidades.

LEIA AGORA OUTROS ARTIGOS RELACIONADOS NO NOSSO BLOG:

Ainda não tens o Livro 8Ps do Marketing Digital?

Mindset: A grande batalha da mente empreendedora

Remindset: O curso de desenvolvimento pessoal de Conrado Adolpho

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
8ps

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]