Home / Produção de Conteúdos Multimédia /

Consumidor Social Global

Consumidor Social Global

 

De que forma a responsabilidade social praticada pelas empresas tem importância no nosso quotidiano? O que é que o consumidor percebe destas ações praticadas pelas empresas? Faz alguma diferença na opção de compra do consumidor final o modo como a companhia se comporta em relação às dimensões ambientais e sociais do seu negócio?

O consumidor social dos tempos modernos é interessado, independente e socialmente consciente, além de que pesquisa muito antes de decidir comprar o que quer que seja. Por ser socialmente consciente, o chamado “consumo sustentável” tem vindo a desenvolver-se em associação com este movimento positivo de utilização do meio ambiente de forma coerente e sustentada.

Por terem conhecimento desse facto, e reconhecendo que a natureza e disponibilidade dos recursos naturais é finita e muitas vezes não renovável, em todo o mundo as empresas têm investido tempo, talento e dinheiro em ações sociais e ambientais. Para muitas dessas companhias, os esforços sociais e ambientais para a construção de uma marca (e o aumento dos lucros) têm sido uma motivação quase prioritária.

E se por um lado o marketing não trabalha todos os segmentos de clientes, a pesquisa sugere que há um segmento de consumidores socialmente conscientes e aos quais os empresários devem prestar atenção. Mas quem são esses consumidores? Quais são as causas mais importantes para eles? Qual é a melhor forma de chegar até eles?

Novas descobertas de uma pesquisa da Nielsen – líder mundial do ramo da medição de mercado -, realizada com 28 mil entrevistados online a partir de 56 países em todo o mundo, fornecem novos dados para ajudar os empresários a entenderem melhor o público certo para as atividades de marketing de causa e quais os métodos de marketing que podem ser mais eficazes para atingir esses consumidores.

Nesse estudo, os entrevistados foram questionados sobre se preferiam comprar produtos e serviços de empresas que implementam programas sociais e se estariam dispostos a pagar mais por esses serviços. A Nielsen definiu o consumidor socialmente consciente como sendo aquele que diz estar disposto a pagar o valor extra e um dos grandes desafios do marketing de causa é precisamente esse: chegar a esse tipo de consumidor.

Diferentes géneros de Consumidor Social

Analisando os dados recolhidos após a realização desse estudo de mercado, quando se trata de publicidade, os consumidores socialmente conscientes confiam muito nas recomendações de pessoas conhecidas (95%), enquanto 76% procuram opiniões e informações partilhadas por outros consumidores online. Ainda em relação aos níveis de confiança, os consumidores socialmente conscientes confiam mais na publicidade que é emitida na televisão e na que é impressa em outdoors ou em folhetos.

 

Para os empresários, estes dados fornecem sinalizações para melhor entender a consciência social dos seus clientes, a fim de aperfeiçoar os seus esforços de marketing de conteúdo e criar mais valor partilhado para a sua marca e para a sociedade.

De resto, a educação constitui a base da proposta do consumo consciente e ancora o seu conceito, pois viabiliza a aquisição de conhecimento, percepção e poder de decisão. O consumidor consciente sabe quem é, sabe o que quer e conhece o reflexo de sua atuação dentro da sociedade de consumo. E tem consciência de que suas opções, embutidas em ações individuais e quotidianas de compra e consumo, podem tornar-se num valioso instrumento transformador da sociedade ao longo de uma vida.

LEIA AGORA MAIS ARTIGOS INTERESSANTES RELACIONADOS COM ESTE POST:

30 livros sobre Conteúdos Multimédia

9 Cursos sobre Produção de Conteúdos Multimédia

Conteúdos, conteúdos e mais conteúdos

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
Mídia Kit Blog Estratégia Digital

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]