Home / 3º P - Produção /

Qual é a diferença entre o detector de plágio Plagramme e os outros?

Qual é a diferença entre o detector de plágio Plagramme e os outros?

Templates

Sabia que o plágio é uma das práticas que mais prejudica os criadores de conteúdos online?

Todos sabem que quando se fala de ética, respeito e moral os seres humanos não são de fiar. Quero dizer, existem muitas pessoas que nunca na vida pensariam em roubar textos de outros, mas infelizmente temos de admitir que isso não é uma verdade absoluta para toda a gente.

Por isso mesmo nos tempos que correm quem cria conteúdos de texto para a Internet sabe que, mais tarde ou mais cedo, alguém irá utilizar, reutilizar e aproveitar esses mesmos conteúdos.

E o problema não é apenas relativo aos textos online.

Ou seja, existe também um submundo de plágio que polvilha as escolas, universidades, institutos de todo o Mundo. Sim, o plágio aplicado ao nível educativo é de tal ordem, que notoriamente é considerado um dos seus principais vírus.

Mas, felizmente já há vários anos que existem boas soluções online para verificar plágios.

Recentemente, testamos o detector de plágio Plag.pt, que pode aceder através deste link – https://www.plag.pt/ – e que nos surpreendeu pela positiva!

Quem precisa de utilizar uma ferramenta para detetar plágio habitualmente procura algo simples, com uma utilização intuitiva, que valide toda a informação rapidamente para verificar com a certeza de que se trata de conteúdo original.

Assim, uma das primeiras coisas que podemos afirmar sobre a Plagramme (também conhecida como Plag.pt), é que preenche esses requisitos.

Não importa se é um professor a fazer correções de trabalhos académicos: com a interface do Plag.pt poderá obter rapidamente a resposta à dúvida que o atormenta e proceder à rápida verificação da originalidade dos trabalhos dos seus alunos. Não é difícil entender o sucesso que este sistema faz entre educadores.

Por outro lado, os estudantes também vão fazer no Plag.pt um novo amigo. Para já, uma das grandes vantagens é a possibilidade de se submeter um número ilimitado de documentos. Depois, quem não gostaria de verificar o seu trabalho com todas as funcionalidades fixes e práticas do Plag.pt? Já vamos falar delas mais à frente!

E alertamos já: a simplicidade do sistema não significa que esteja desprovido das funcionalidades de que precisa para validar a informação. O Plag.pt assenta num algoritmo complexo que procura fazer uma pesquisa minuciosa a mais de 14 triliões de ficheiros: todo o tipo de documentos de texto são alvo de análise, desde páginas web a artigos científicos, livros e até mesmo revistas e jornais.

E a dimensão da base de dados é sem dúvida uma das características que faz desta plataforma única e muito diferente de outras do género. Se o número já lhe parece absurdamente enorme, fique a saber que está a crescer todos os dias para que possa usufruir de um serviço que nunca dará sempre um resultado fidedigno e atualizado.

Mas espera lá… a base de dados da Plag.pt cresce com os documentos que submetemos? Não, nada disso! Fique descansado.

Os documentos submetidos só entram na base de dados se você assim o entender, ao contrário do que outras plataformas fazem. Uma das coisas que o Plag.pt valoriza é, sem dúvida, a propriedade intelectual dos seus utilizadores (não fosse esta plataforma tratar-se de um detector de plágio!), o que significa que sem o consentimento dos utilizadores nada é publicado.

E não, a verificação do texto não se aplica só à língua portuguesa: o Plagramme consegue detetar plágio em mais de 120 línguas!

 

 

Como utilizar o Plag.pt?

Após fazer o seu registo gratuito na plataforma, pode então começar a usá-la! Basta fazer upload do ficheiro que deseja averiguar se foi plagiado e esperar alguns minutos, conforme a dimensão do artigo, para que o sistema o compare com a base de dados.

 

Passo 1 – Realize o upload do documento/artigo que deseja analisar.

 

Passo 2 – Aguarde pelos resultados preliminares do documento.

 

De seguida, conforme o propósito para o qual está no site, pode verificar se o texto em questão é de facto plagiado ou, caso seja um texto seu, protegê-lo de qualquer ameaça de plágio, eliminando qualquer semelhança com outros documentos ou eliminando certas falhas.

Mídia Kit Blog Estratégia Digital

Como é que o faz? Bem, usando o arsenal de funcionalidades que o detector de plágio Plag.pt disponibiliza, vamos ver algumas:

Correspondências

O melhor do serviço Plagramme, a meu ver, é que vai direto ao que interessa. Se o documento que submeter contar com algum tipo de plágio, irá saber imediatamente. Assim que abrir o ficheiro na interface, as partes críticas estarão assinaladas para que as possa rever imediatamente e proceder à devida correção. Se quiser pode fazer diretamente as alterações na interface e descarregar o ficheiro mais tarde para o seu computador.

Resultados de similaridade

Para nós, que estamos habituados a escrever dezenas de artigos todos os meses, torna-se difícil em certas alturas ser 100% criativo. Por vezes, estamos a reciclar ideias que ficaram na nossa cabeça, sem sequer notarmos que o fazemos. Graças a esta funcionalidade, poderá receber um relatório que indica as similaridades que existem nos seus documentos, de forma a assegurar que o seu conteúdo mantém alto grau de originalidade.

Resultado de risco de plágio

Não encontrará esta funcionalidade noutras plataformas. O resultado de risco de plágio indica qual o risco do seu documento ser, de facto, um plágio. Mediando as similaridades detetadas entre o seu e outros documentos, o algoritmo da Plagramme é capaz de detetar o risco até 94%, uma garantia que o deixará mais seguro ou que, pelo menos, lhe dirá que medidas tomar para evitar que o seu texto seja publicado com um grande risco.

Parafraseados

Todos nós gostamos de citar outras pessoas, explicando pelas nossas próprias palavras as ideias que formularam noutros documentos. No entanto, o excesso de paráfrases pode ser interpretado como plágio. Portanto, para prevenir que isso não lhe acontece, irá certamente fazer bom uso desta funcionalidade. Na interface, as frases a laranja corresponderão às paráfrases.

Más Citações

Quem parafraseia, também usa citações. Muitos autores cometem frequentemente a tentação de pegar numa frase de um outro autor, protege-la com aspas e integra-la no seu documento sem qualquer preocupação adicional. Mesmo assim, o excesso de citações pode pôr em causa a qualidade do seu trabalho e ninguém quer que isso aconteça, pois não? Esta ferramenta verifica se o número de citações que está a usar não ultrapassa o limite do aceitável. Se vir frases pintadas a púrpura no documento, isso significa que está perante uma má citação.

Fontes

O Plagramme não é aquele tipo de plataforma que faz o trabalho pela metade. Se surge indicação de que está a cometer plágio, a plataforma diz-lhe rapidamente a fonte no qual se baseia para dar tal resultado. A partir daí, pode então analisar a situação, perceber o que correu mal e corrigir imediatamente o sucedido.

Passo 3 – Avalie os resultados preliminares do documento para entender se deseja gastar créditos na análise completa.

 

Passo 4 – Se avançar para análise completa pode ver muito mais informações detalhadas sobre o artigo analisado.

 

No final, após aplicar todas as alterações, pode fazer download do ficheiro com todos os retoques finais já aplicados.

Relembramos que este é um serviço gratuito, com algumas funcionalidades a pagar no interior, sim, mas apenas se precisar de as usar. Experimente-o agora mesmo!

Qual a história da Plagramme?

Com clientes em mais de 90 países, entre os quais os Estados Unidos da América, Reino Unido, Alemanha, Lituânia, Letónia, Portugal e Espanha, a Plagramme assume-se como uma das empresas de tecnologia de topo em todo o mundo a dispor de um serviço de deteção de plágio.

Os serviços prestados são, essencialmente, relacionados com a produção textual, recorrendo a algoritmos avançados, combinados com interfaces atraentes, para assim se encontrarem resultados similares e se fazer numa verificação de plágio.

A tecnologia, desenvolvida em múltiplas linguagens, permite que esta plataforma se consiga demarcar das concorrentes com uma polivalência que não deixará de lado nenhum resultado que possa pôr em causa o seu trabalho.

 

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
 

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]