Home / Casos de sucesso de Estratégia Digital /

Franz Ferdinand: Crowdsourcing em concertos

Franz Ferdinand: Crowdsourcing em concertos

AdobeStock

Quando vamos assistir a um concerto de uma banda rock é normal haver uma banda de abertura para agitar as hostes. Mas nem sempre a escolha dessa banda de abertura é adequada, o que normalmente gera alguma controvérsia entre os fãs das bandas principais e duras críticas às promotoras dos espectáculos. Ou porque os estilos musicais e estéticos são incompatíveis, ou porque os grupos de abertura não chegam a aquecer o ambiente, já que não se inserem nos gostos da maioria do público presente, que muitas vezes vira costas ao palco até ao momento da entrada dos «actores principais».

Para contornar este problema, os Franz Ferdinand, na sua digressão brasileira de 2010, que passou por Porto Alegre, Rio de Janeiro, Brasília e São Paulo, tiveram uma ideia simples de Crowdsourcing mas que viria a revelar-se muito produtiva: criaram um website em que grupos locais interessados em abrir o seu concerto realizavam um registo acompanhado do envio do URL de perfil do MySpace, além de fotografias, músicas e vídeos.

banner-slider-musicas

O website recebeu cerca de 200 mil inscrições e tornou-se assim muito mais fácil à banda escocesa escolher quem mais se adequava ao seu estilo para fazer o espectáculo da primeira parte. Os fãs gostaram das escolhas e a ideia revelou-se um sucesso, mostrando que a internet permite não só que o público-alvo seja participativo, como permite reunir muita informação rapidamente e de forma extremamente barata, numa demonstração de como a quantidade de contactos gera qualidade de relacionamentos.

Neste caso em análise, o conceito de Crowdsourcing foi determinante na obtenção do objectivo pretendido. Isto é, a equipa de produção dos Franz Ferdinand recorreu à obtenção de serviços considerados necessários, ideias ou conteúdos, solicitando para isso a contribuição de um grande grupo de pessoas e, especialmente, a partir de uma comunidade online, ao invés de recorrer a funcionários, fornecedores ou aos meios tradicionais.

LEIA AGORA OUTROS ARTIGOS INTERESSANTES E CONSTRUA O SEU PRÓPRIO CASO DE SUCESSO:

Templates

12 Casos de Sucesso de Marketing Digital

Ainda não tens o Livro 8Ps do Marketing Digital?

25 Cursos de Marketing Digital

banner-ebook-websites-beat-digital

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
 

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]