Home / Jornalismo Digital /

11 livros para jovens a entrar na idade adulta

livros para jovens

11 livros para jovens a entrar na idade adulta

Jovens prestes a entrar na idade adulta e a encarar um mundo de responsabilidades. Por esta altura, mais ou menos perto dos 20 anos, estão uma fase crucial: são normalmente confrontados com o primeiro emprego, terminam os seus estudos e começam a pensar a longo prazo sobre o que lhes reserva os próximos anos. Um momento determinante para o qual é procurada frequentemente orientação. E há melhor orientador do que um bom livro?

O website Revista Galileu elaborou uma lista dos 11 livros para jovens a entrar na idade adulta. A lista baseou-se na opinião de diferentes visitantes do website que partilharam títulos de livros que merecem ser lidos entre os 20 e os 30 anos. O resultado final foi surpreendente e contou com livros de autores como Fiódor Dostoiévski a nomes mais contemporâneos como Stephen Hawking.

Vamos conhecer a lista?

Print

11 livros para jovens a entrar na idade adulta

Revolução dos Bichos – George Orwell

A história de “Revolução dos Bichos” foi escrita durante a Segunda Guerra Mundial e publicada no ano de 1945. Recusado por várias editoras, o livro satirizava a ditadura soviética de Estaline numa altura em que vigoravam acordos entre os países Aliados. Com a queda da Alemanha de Hitler e o aumento da luta pela supremacia no contexto de Guerra Fria, a “Revolução dos Bichos” começou a ser usada como um instrumento de propaganda político contra o regime soviético.

a revolução dos bichos

1984 – George Orwell

Em “1984”, o autor britânico George Orwell leva-nos a um futuro distópico no ano que dá título ao livro. Publicado pela primeira vez em 1949, a obra segue a história de Winston, um cidadão que vive numa Londres alternativa, sob o domínio de um regime totalitário. Através de câmaras instaladas nas ruas, no trabalho e até mesmo em casa, o Big Brother – uma figura que representa a autoridade – mantém o olho sobre tudo o que faz. A história acaba por culminar na revolta da personagem e no desfecho surpreendente que ainda hoje é aberto a muitas interpretações.

1984

Uma Breve História do Tempo – Stephen Hawking

“Uma breve História do Tempo” é um livro daquele que é considerado como um dos maiores génios da atualidade. Ao longo de várias páginas, Stephen Hawking explora os conceitos do universo e fala de mistérios desvendados e que ainda estão por desvendar. Através de uma linguagem simples são explicados conceitos complexos que permitem a todos os leigos perceberem algumas das mais difíceis noções da Física.

Uma breve historia do tempo - capa FECHAMENTO.indd

A Arte da Guerra – Sun Tzu

Por muitos anos que passem, “A Arte da Guerra” há de se manter sempre atual. O livro de estratégia militar, escrito há cerca de 2500 anos atrás pelo general chinês, Sun Tzu, aplica-se de forma metafórica a praticamente todas as áreas da nossa vida, desde os negócios até às relações pessoais. Quando atacar, como atacar e como reagir consoante as diversas situações de batalha são alguns dos tópicos abordados pelo “A Arte da Guerra”.

a arte da guerra ilustrada

Cem Anos de Solidão – Gabriel García Marquez

“Cem Anos de Solidão” valeu a Gabriel García Marquez a condecoração com o prémio Nobel da Literatura de 1982. O livro retrata  a história de uma família que, ao longo das várias páginas, passa por episódios que envolvem milagres, adultérios, incestos, condenações e descobertas. Com uma narrativa rica, “Cem Anos de Solidão” é uma obra de leitura obrigatória para todos os que gostam de clássicos da literatura contemporânea.

cem anos de solidao

O Senhor dos Anéis – J.R.R Tolkien

A adaptação ao cinema valeu à trilogia “Senhor dos Anéis” a atenção mediática global. No entanto, a obra já era um sucesso mesmo antes de chegar ao grande ecrã. No clássico da literatura fantástica de Tolkien, o leitor poderá encontrar a viagem épica de Frodo e do Anel pela Terra Média. O livro tem a capacidade de criar uma mitologia riquíssima, repleta de criaturas estranhas, como feiticeiros, anões, elfos, hobbits e trolls.

senhor dos aneis

Vidas Secas – Graciliano Ramos

Uma seca extrema e austera serve de ponto de partida para o livro “Vidas Secas” de Graciliano Ramos. A obra conta a história de Fabiano e das suas gentes que, numa demanda pela sobrevivência, decidem atravessar o sertão brasileiro. “Vidas Secas” foi publicado em 1938, é o único romance de Graciliano Ramos escrito na primeira pessoa e serviu de inspiração para o filme com o mesmo nome, realizado por Nelson Pereira dos Santos.

vidas secas

A Insustentável Leveza do Ser – Milan Kundera

Escrito pelo autor checo Milan Kundera, “A Insustentável Leveza do Ser” divide a sua narrativa entre as cidades de Praga e Zurique. Descrito por quem lê como um livro que muda mentalidades, “A Insustentável Levaza do Ser” conta as peripécia amorosas de 4 personagens. A obra tem alicerces históricos muito fortes, com destaque para a forma como relata o clima vivido na altura da invasão da Rússia à Checoslováquia.

a insustentavel levaza do ser

Crime e Castigo – Fiódor Dostoiévski

“Crime e Castigo” é uma das obras que mais contribuiu para a consolidação do nome de Fiódor Dostoiévski na cena literária internacional. Neste livro, o escritor russo narra os episódios da vida de um jovem estudante que comete um crime. Mais do que a história em si, o livro faz a diferença pela forma como aborda temas transversais à sociedade, tocando em religião e em ideologias políticas. “Crime e Castigo” foi publicado em 1866 e é, sem dúvida, uma obra de leitura obrigatória.

crime e castigo

Clube da Luta – Chuck Palahniuk

Quem não conhece o clássico “Fight Club”, realizado por David Fincher e protagonizado por nomes como Edward Norton, Brad Pitt e Helena Bonham Carter? O que muitos não sabem é que a obra cinematográfica tem por base um livro com o mesmo nome, da autoria de Chuck Palahniuk. “Clube da Luta” conta a história de um clube restrito e de uma forma de viver seguindo regras específicas.

clube da luta

Os Trabalhadores do Mar – Victor Hugo

Conhecido pelos “Les Miserables”, o francês Vitor Hugo deixou para a história uma obra literária rica e diversa. O livro “Os Trabalhadores do Mar” é considerado por muitos como a sua maior obra-prima e funciona como uma espécie de dedicatória à ilha de Guernsey, localizada no Canal da Mancha e onde Victor Hugo passou 15 anos do seu exílio auto-imposto.

os trabalhadores do mar

Para aceder a conteúdos incríveis e exclusivos relacionados com literatura, visite o blog Mundo de Livros.

LEIA AGORA MAIS ARTIGOS INTERESSANTES RELACIONADOS COM ESTE POST:

Descubra os livros mais lidos de Marketing Digital

Ainda não tens o Livro 8Ps do Marketing Digital?

25 Cursos de Marketing Digital

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
Blog Mário Caetano

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]