Home / E-mail Marketing /

Sabe quais são os pilares do Marketing de Conteúdo?

Sabe quais são os pilares do Marketing de Conteúdo?

 

O Marketing de Conteúdo é uma das estratégias mais importantes do universo digital. Basta olharmos para o trabalho que dedicamos ao nosso blog para percebeermos a importânia do conteúdo textual. Para quem produz o conteúdo, existe um importante fator de SEO (Search Engine Optimization) enquanto que, para a audiência, há todo um leque de conteúdo relevante (ou assim esperamos que seja).

Porém, é frequente encontrar em grupos de discussão do Facebook e LinkedIn algumas discussões acesas sobre Marketing de Conteúdo. Ao falarmos de conteúdos em Marketing Digital, estamos a falar apenas de textos trabalhados a nível de SEO? Alguns profissionais de Marketing Digital respondem que sim a essa pergunta, pondo de lado uma série de táticas incríveis que pode pôr em prática com a simples utilização das palavras.

Neste post, apontamos quais os 5 pilares do Marketing de Conteúdo. Tratam-se de estratégias eficazes, facilmente aplicáveis. Algumas delas são completamente gratuitas, outras implicam um pequeno investimento. Aplicadas em conjunto, estas estratégias de que falamos podem garantir resultados absoluta,ente explosivo

Os 5 pilares do marketing de conteúdo

Blog empresarial

Um blog é uma ferramenta incrível no universo do Marketing de Conteúdo. Já referimos essa mais-valia na introdução deste post. Na verdade, a capacidade de escrever bem para blogs já foi alvo de discussão em inúmeros posts do Estratégia Digital. Ao manter um blog, está a manter contacto com a sua audiência, a expandir a sua marca e a proporcionar a novos clientes aquilo de que necessitam para fecharem contrato consigo. Se o website da página é mais institucional e formal, no blog pode mostrar o lado mais descontraído e informal da marca.

A nível de SEO o valor é imensurável. No blog, pode abordar diferentes temas inseridos dentro de um nicho e preparar os conteúdos com as principais palavras-chave, relacionadas com esse tema, que estejam a ser procuradas nos motores de pesquisa. Isso vai garantir uma melhor indexação do seu blog e, consequentemente, a entrada de maior tráfego.

E-books

Se está atento ao nosso blog, certamente já reparou que também nós usamos e-books como este. Para que servem? No fundo, funcionam como uma recompensa digital que oferecemos por confiar em nós. Em troca do seu contacto e da promessa (cumprida!) de que não faremos spam, propomos-lhe que entre para a nossa lista de e-mail marketing. A partir daí, e se assim aceitar, começa a receber mensagens nossas, todas elas segmentadas para o seu perfil. No meio de muitos conteúdos interessantes, recomendamos alguns produtos digitais em que pode estar interessado.

Mas como criar um e-book? Acima de tudo, é importante que ofereça conteúdo relevante para a sua audiência. Lembre-se que se alguém descarregar e ficar desiludido, imediatmanete perderá credibilidade. Em simultâneo, é também necessário que o e-book seja visualmente atrativo. Embora este fator possa parecer secundário, a verdade é que a componente visual conta muito quando temos de decidir se vale ou não a pena fazer download.

Conheça a melhor ferramenta para Facebook e Instagram!

social-autoboots-novo-banner

 

Webinars

Webinars, também conhecidos como conferências na Internet, são eventos que acontecem em direto e online para uma audiência. A ideia é que haja uma interação online entre um palestrante e o público. Este tipo de eventos é excelente para promover novos produtos de uma marca ou, simplesmente, conteúdos que a sua empeesa tenha a oferecer.

Mas sobre o que falar num webinar? Isso depende sempre da área de expert de cada um. Se tem uma empresa de Marketing Digital e vai lançar em breve um novo serviço de SEO, organize um webinar para apresentar à audiência esse novo serviço. À medida que for facilitando conteúdos de interesse para a audiência, ela mesma vai fazer perguntas e terá a oportunidade de mostrar a sua credibilidade no domínio de um determinado tema. Mais tarde, a probabilidade de acontecer conversão será mais forte.

Vídeos

Quando falamos de conteúdo, não nos referimos apenas ao texto. Graças ao crescente favorecimento do conteúdo visual em termos de SEO, é comum sempre que fazemos uma pesquisa no Google encontrarmos vídeos do YouTube nos lugares cimeiros. Por este motivo, dizemos que é importante enriquecer todo o seu trabalho de marketing digital com vídeos preferencialmente originais.

Posto isto, resta dizer que trabalhar a imagem é fundamental, mas não se esqueça também de que os vídeos necessitam de ser otimizados. Um título atrativo, uma descrição que cumpra todos os critérios e as meta tags corretas vão fazer com que o seu vídeo se destaque com mais facilidade. Uma das dicas é pegar nos webinars e ir abastecendo o seu canal, sempre com pensamento estratégico e conteúdo relevante.

E-mail marketing

Quando falamos de e-books, já deixamos algumas pistas sobre o que fazer no e-mail marketing. A ideia é pensar inteiramente nas pessoas que recebem os seus conteúdos e escrevê-los para eles. Tangiblizar dores é fundamental para depois arranjar soluções e esperar que o público tenha confiança suficiente para abrir o link recomendado. Como se constrói essa confiança? Através de conteúdo realmente relevante.

Um dos erros muito cometidos está no facto de muitas empresas dispararem conteúdo promocional assim que têm o contacto do cliente. A estratégia não podia estar mais errada, uma vez que ao receber aquele e-mail o possível cliente vai achar que a empresa está a tentar vender um produto a qualquer custa. Para evitar esta falsa imagem, o melhor é tratar as pessoas da lista de e-mails como amigos e misturar conteúdo de venda com conteúdo interessante. Para conhecer técnicas de e-mail marketing, clique AQUI.

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
Mídia Kit Blog Estratégia Digital

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]