Home / Archives /

marketing digital

marketing digital / 127 posts encontrados

Geração M: juventude sempre ligada ao Mundo

Jovens entre os 10 e 20 e poucos anos, sempre online, com o browser da internet aberto em diversas abas ou janelas, que conversam no ciberespaço com várias pessoas ao mesmo tempo, que têm smartphone e utilizam-no a toda a hora. Nasceram na era das novas tecnologias, da internet e das redes sociais. Estarão no mercado de trabalho dentro de poucos anos. Em breve terão poder de compra.

30 livros sobre Conteúdos Multimédia

Este post foi concebido para ser utilizado efectivamente como uma ferramenta de trabalho e destina-se a facilitar a sua vida, poupando assim tempo e paciência em pesquisas relacionadas com os temas aqui apresentados. Com descrições sucintas de cada livro recomendado pretendemos propagar a cultura de marketing digital por todos os interessados, destinando-se sobretudo a estimular a sua curiosidade sobre os fenómenos de comunicação inerentes à nova economia digital desenhada pela Internet.

O seu negócio nas Redes Sociais: Porquê?

Neste artigo apontamos 6 factores positivos e 3 pontos menos bons que podem surgir da aposta directa das empresas em Redes Sociais. Se boa parte das pessoas que conhece estão nas redes sociais, porque não há-de estar também? E para quem tem uma empresa, esta questão torna-se ainda mais pertinente.

Redes Sociais online: as novas dependências

Apesar da sensação de proximidade que as redes sociais proporcionam e da possibilidade de se estabelecerem contactos pessoais e/ou profissionais importantes, há também quem defenda que o uso excessivo destas ferramentas leva o indivíduo à dependência e, por inerência, ao isolamento. Se quiser saber qual o seu nível de adição, existe uma nova ferramenta chamada TimeRabbit.

Porquê apostar no Pinterest? Conheça as vantagens!

Com 70 milhões de utilizadores, 80% dos quais mulheres e maioritariamente com idades compreendidas entre os 25 e os 49 anos de idade, o Pinterest é atraente e fácil de usar. Actualmente é a rede social mais influente nas compras online, já que 21% dos utilizadores já compraram produtos que conheceram através de imagens partilhadas nesta plataforma.

Publicidade nas Redes Sociais

A Nielsen (reputada empresa de Estudos Globais sobre o Consumidor) publicou um relatório sobre o uso das redes sociais no 2º semestre de 2012 onde concluiu que quase 90% das pessoas que usam a Internet entram pelo menos uma vez por dia nas suas contas nas redes sociais, potenciando também desse modo a disseminação de informação e divulgação de marcas, produtos ou serviços.

Utilize o YouTube para posicionar a sua marca

Já lá vai o tempo em que o YouTube era visto como um mero canal de entretenimento. Hoje em dia, oito anos depois do nascimento desta plataforma, são cada vez mais as empresas que utilizam esta fabulosa plataforma online para posicionarem as suas marcas.

Tippexperience inova no YouTube

Tipp-Ex é uma marca de corretivo líquido e outros produtos relacionados que é muito popular em toda a Europa. A aposta desta marca nos recursos da Internet tornou-se objecto de análise. Aliás, o caso da Tipp-ex é bastante curioso. A acção de marketing desenvolvida na internet tem uma componente de lição aliada à comédia e resultou na perfeição.

Franz Ferdinand: Crowdsourcing em concertos

A banda britânica Franz Ferdinand na sua digressão brasileira de 2010 teve uma ideia simples de Crowdsourcing, mas que viria a revelar-se muito produtiva: criaram um website em que grupos locais interessados em abrir o seu concerto realizavam um registo acompanhado do envio do URL de perfil do MySpace, além de fotografias, músicas e vídeos. O website recebeu cerca de 200 mil inscrições.

Starbucks inverte tendências negativas com Estratégia Digital

Não é por ser o maior franchise de café do mundo que a Starbucks não tem necessidade de marcar uma presença forte no mundo online. Esta foi a conclusão dos administradores da marca norte-americana que, em 2008, confrontados com a crescente diminuição de clientes nas lojas e a consequente quebra nas vendas viram-se obrigados a redefinir alguns posicionamentos comerciais.
[instagram-feed]