Home / Marketing digital /

Apple Watch: o futuro está mesmo no nosso pulso?

apple watch

Apple Watch: o futuro está mesmo no nosso pulso?

 

Há vinte atrás encarávamos os telemóveis com o nariz torcido. Era mesmo possível fazer telefonemas com um aparelho que podíamos colocar na carteira ou até mesmo no bolso? O tempo provou que sim, que era. Dez anos mais tarde, começaram a surgir os primeiros telemóveis mais avançados, a incorporar Internet. Isto lançou o debate sobre a mobilidade da Internet.

Hoje, os smartphones dominam o mercado tecnológico. Os tablets e os computadores portáteis estão também entre os mais vendidos da área da tecnologia. A Internet anda cada vez mais connosco ao ponto de conseguirmos fazer compras remotamente, quer estejamos em casa, no trabalho ou no autocarro…

E a tendência é para que a Internet se continue a instalar nas nossas vidas, adaptando-se cada vez mais ao nosso dia-a-dia, quase de uma forma ergonómica. Foi isso que aconteceu com os computadores portáteis. Com o wi-fi. Com os smartphones. Com os tablets. E, agora, com os relógios.

Será que daqui a dez anos os relógios inteligentes, como é o caso do Apple Watch, vão dominar o mercado como os smartphones agora o fazem? Esta é uma pergunta à qual não conseguimos responder com certeza. Resta-nos fazer meras projeções daquilo que poderá ser o futuro e avaliar o que este tipo de produtos pode fazer por nós hoje.

A verdade é que os relógios inteligentes permitem que tenhamos todo um mundo no nosso pulso. Neste post, decidimos pegar no Apple Watch – que está à venda em Portugal desde o início de 2016 – e perceber como é que pode mudar a nossa vida.

Apple Watch: tudo o que cabe no nosso pulso

Música

Através de um auricular Bluetooth, podemos configurar o Apple Watch para que nos deixe ouvir a música que quisermos. Para quem gosta de correr a ouvir música esta é uma opção que dá muito jeito: basta colocar os auriculares nos ouvidos, pressionar play no relógio e começar a correr sem nos termos de preocupar com fios ou braceletes no ombro onde carregar o telemóvel.

Mapas

Com o Apple Watch nunca mais se vai perder. À semelhança de um GPS, o relógio guia-o até ao seu destino assim que escolher o percurso.

Twitter

O que se passa no mundo? O Twitter diz-lhes. O Apple Watch é uma verdadeira engenhoca de informação e vai notificá-lo sempre que acontecer algo importante. Desta forma, pode estar sempre informado.

 

Telecomando

Se tiver uma Apple TV este pode ser este o seu novo comando. Basta consultar o relógio no seu pulso para mudar de canal ou seleccionar um filme.

Relógio

E, claro, o relógio continua a cumprir o dever mais básico de um relógio: dar horas. Chegue a horas ao trabalho – e marque alertas para fazer pausas durante o dia.

Telefone

Embora este não seja o forte do Apple Watch, com este relógio pode responder a chamadas através do altifalante e do microfone. Porém, tem de ter muito cuidado com o ruído.

Mensagem

Um pequeno toque avisa-o de que recebeu um SMS. Pode enviar uma resposta automática ou um emoji animado. Para escrever no Apple Watch precisa da app Spark e, mesmo assim, esta nem sempre é uma tarefa fácil dada a dimensão do ecrã.

Siri

E, uma vez que não há teclado, há que usar a Siri, a assistente de voz dos produtos Apple. Basta dizer o que quer pesquisar, por exemplo, para que a Siri apresente no ecrã uma lista de resultados.

O Apple Watch já está disponível em Portugal. Os preços variam entre os 499 euros e podem ir até aos 16,500 euros para quem optar pelo relógio cor-de-rosa banhado a ouro.

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
8ps

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]