Home / Marketing digital /

Marketing Digital: 3 Erros crassos que não pode cometer

Marketing Digital: 3 Erros crassos que não pode cometer

 

Não há dúvidas de que o Marketing Digital é uma área em franco crescimento. Finalmente, as empresas perceberam que apostar na Internet é fundamental e começam agora a contratar agências ou especialistas para criar uma estratégia digital, capaz de as aproximar de um público que é cada vez mais exigente. Se trabalha na área, conheça aqui 3 erros que não deve nunca cometer.

As tendências estão a mudar: se em 2010, a maioria das empresas apostavam duas vezes mais na televisão do que na Internet, hoje a realidade é outra. Quem o diz são os analistas do Emarketer, cujas projecções indicam que, no final de 2015, o orçamento das empresas dedicado à TV e ao online devem estar no mesmo nível.

Como tal, nunca houve melhor altura para ser um especialista em marketing digital. A profissão é tendência e os profissionais começam a deixar de ser pejorativamente rotulados como “aqueles que fazem umas coisas na Internet”.

Hoje, o marketing digital faz-se não de intuições, mas de estratégias digitais, suportadas em métricas exatas, avaliações rigorosas e conhecimento profundo do mercado.

Se está a começar ou se está prestes a fechar contrato com uma empresa que quer aplicar uma estratégia online, então leia este artigo e descubra os 3 erros do marketing digital mais comuns e que não pode, de forma alguma, cometer.

Erros do marketing digital

Mau planeamento

Um mau planeamento pode conduzir a empresa à desgraça. A falta de estratégia é um dos principais erros cometidos pelas empresas que se deixam guiar única e exclusivamente pela intuição. Ora, se este fator é importante, pois saiba que não é suficiente.

O mundo digital imita a realidade, mas há meandros que você precisa de conhecer. Para isso, é preciso analisar os pensamentos e as pesquisas das pessoas, utilizando ferramentas como o Google Analytics.

No fundo, faça uma análise SWOT e aplique-a ao mundo da Internet: analise as suas forças (Strengths); reúna as suas fraquezas (Weaknesses); identifique oportunidades (Opportunities); e estude a concorrência (Threats).

Depois, pegue no orçamento disponível e pare para pensar qual a melhor estratégia que pode aplicar com o dinheiro que tem em mãos. Faça investimentos calculados e garanta que cada cêntimo é investido no esforço certo.

Só no final de completar esta fase do trabalho é que poderá avançar para a aplicação da estratégia. Caso contrário, o sucesso de qualquer ação será pura sorte (ou azar).

MarketSamuraiBanner2

Criar expectativas irrealistas

Fazer um planeamento ajuda a acabar com expectativas irrealistas. Ainda assim, há uma algo importante a ter em mente: nunca iludir o cliente.

Quando se trabalha diariamente no mundo do marketing digital, encontramos todo o tipo de empresas: das maiores às mais pequenas, das que possuem orçamentos enormes às que possuem limites muito acentuados. Tanto para umas como para outras, há coisas que não podemos garantir.

 

Por isso, na altura de levar a cabo uma estratégia de Search Engine Optimization (SEO), é importante que tenha em mente que o trabalho é contínuo. Não pode vender gato por lebre e dizer que depois de meia dúzia de ações a comunicação da empresa que o contratou alcançará resultados fantásticos. Os resultados são graduais e todas as ações demoram tempo a surtir efeito. Ora vejamos considerações básicas.

Campanhas Pay Per Click

O sucesso das campanhas Pay per Click não é imediato. Normalmente, são necessários cerca de 90 dias para que os efeitos se comecem a sentir. Porquê? Porque a fórmula necessita de ser testada através de testes A/B e de ajustes de copywriting.

Search Engine Optimization

Porque é que o meu artigo não está na primeira página do Google?” A pergunta é frequente e surge, normalmente, por parte das empresas que contratam serviços de marketing digital. Importa, por isso, esclarecer logo à partida que o sucesso não é instantâneo e que o artigo não fica na primeira página mal é publicado.

O processo para lá chegar demora entre 90 a 180 dias, mas isto depende muito, uma vez que é preciso considerar a escolha correta das palavras, assim como a qualidade dos artigos concorrentes.

Redes Sociais

Esqueça todos os comentários pessoais e a utilização da página da empresa como se fosse a sua. Os posts devem ser otimizados e só depois de, no mínimo, um mês de comunicações regulares é que vale a pena começar a quantificar resultados e a apostar em estratégias de promoção pagas nas redes sociais. O timing pode fazer a diferença entre o sucesso e o fracasso.

Não estar informado

Como já reparou, o marketing digital é uma área em constante evolução. Como tal, é preciso estar sempre atento às novidades do mercado. O facto de ser uma área que agora é tão falada faz com que, todos os dias, surjam novos concorrentes prontos para o destronar.

Além disso, lembre-se que estar informado sobre o marketing digital não chega. Sempre que trabalhar com outra empresa, é preciso apostar numa espécie de formação intensiva que o coloque dentro desse nicho de mercado. No fundo, é preciso compreender o público-alvo para poder trabalhar conteúdos que lhes sejam apelativos.

LEIA AGORA OUTROS ARTIGOS RELACIONADOS NO NOSSO BLOG

Quais as características de um empreendedor digital?

Ainda não tens o Livro 8Ps do Marketing Digital?

5 Truques de Google Analytics para poupar tempo na análise

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
Blog Mário Caetano

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]