Home / Tecnologia /

Tendência Mobile: o mundo na palma da nossa mão

tendência mobile

Tendência Mobile: o mundo na palma da nossa mão

AdobeStock

O recente fenómeno dos smartphones e tablets começou finalmente a dar provas de que a tendência mobile está a redefinir o mundo em que vivemos. Se há dez anos atrás a utilização da Internet se começava a banalizar, surpreendendo quem ainda estava cético quanto à nova realidade imposta pelo computador, em pleno 2015 a situação volta a mudar e tudo se deve graças aos pequenos aparelhos que temos nos nossos bolsos.

Há dez anos surgiam os primeiros telemóveis de 3.º Geração que permitiam ao utilizador ir à Internet para comprar ringtones, jogos, ver umas notícias e talvez verificar a página do Hi5. Por essa altura, uma página demorava quase 10 segundos a carregar. Não era rápido, mas afinal de contas era Internet no telemóvel e isso por si só justificava a espera.

De resto, o telemóvel era pouco mais do que um instrumento de comunicação semelhante ao telefone que temos lá em casa: a diferença é que o podíamos levar para qualquer lado (e que podíamos tirar fotografias). Hoje, porém, é tudo tão diferente que olhamos para esses dias com um misto de nostalgia e divertimento.

A Ofcom – reguladora independente dos media britânicos – chegou recentemente a uma conclusão sobre a utilização da Internet: o número médio de tempo que passamos ligados à web passou das 10 horas por semana para as 20 horas e 30 minutos, em 2014. Surpreendidos? Por aqui, não estamos.

A verdade é que este era um número muito expectável, tendo em conta tudo o que tem sido anunciado nos últimos meses. O mobile veio para ficar e está a assumir a sua posição. O próprio Google já alertou que vai beneficiar o PageRank de todos os sites que sejam responsive (ou seja, capazes de se ajustar graficamente a qualquer ecrã).

Conheça a melhor ferramenta para Facebook e Instagram!

social-autoboots-novo-banner

Mobile: o que mudou na forma como usamos a Internet?

Mas de regresso ao estudo da Ofcom, vamos continuar a mostrar como o smartphone foi um dos principais responsáveis pela mudança dos nossos hábitos da Internet nos últimos 10 anos. Apesar de se aplicar aos habitantes do Reino Unido, consideramos que este estudo reflete também as tendências do panorama português e europeu.

A Ofcom aponta que o maior aumento da utilização de Internet se verificou entre a faixa etária dos 16 aos 24 anos. Face ao tempo que os jovens passavam na Internet em 2005 (10 horas e 24 minutos) o crescimento é de facto significativo, atingindo quase o triplo: 27 horas e 36 minutos. Como sabemos, os smartphones acompanham a vida da maioria dos jovens, desde o instante em que o despertador toca até às mensagens trocadas mesmo quando já estão na cama para dormir.

Com Internet no smartphone, os jovens usam aplicações como o Facebook, Snapchat, Instagram, Messenger, Whatsapp entre uma série de outras que requerem uma ligação à Internet.

Templates

Relativamente aos adultos, as conclusões da Ofcom constataram um aumento mais lento mas ainda assim importante: a proporção de adultos que acede à web aumentou de 6 em 10 para 9 em 10. E para que usa esta faixa etária os seus smartphones?

O estudo indica que mais de um quarto dos utilizadores da Internet usa os smartphones para ver televisão ou filmes online. A mesma percentagem, aplicada aos jovens entre os 16 e 24 anos, quase duplicou, ao passar de 21% em 2007 para 39% em 2014.

Os gameboys e consolas também parecem perder nesta corrida contra a tendência mobile. De acordo com a Ofcom, 26% das pessoas jogam pelo menos uma vez por semana através do telemóvel, um número que suplanta os 17% que confessa preferir as consolas.

Está interessado em ler mais conteúdos exclusivos sobre filmes, televisão e entretenimento audiovisual? Convidamo-lo então a visitar o blog Mundo de Cinema.

OUTROS ARTIGOS RELACIONADOS COM ESTE POST:

Qual a situação do Marketing Digital nas empresas portuguesas?

Descubra os livros mais lidos de Marketing Digital

O que vai aprender no Curso 8Ps do Marketing Digital

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
 

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]