Home / Google Analytics /

5 truques Google Analytics para poupar tempo na análise

truques Google Analytics

5 truques Google Analytics para poupar tempo na análise

 

Quem tem um website sabe muito bem que um dos momentos mais gratificantes é verificar que o trabalho está a dar frutos. A partir do lançamento da página, assistimos a uma evolução gradual de dia para dia, de mês para mês e especialmente de ano para ano. O aumento do tráfego, o cumprimento de objetivos que definimos e o sucesso de certas publicações deixam-nos confiantes para o futuro e permitem traçar um plano.

Uma das ferramentas que nos permite verificar este desempenho do nosso website é o Google Analytics. Além de ser considerada a melhor ferramenta do mercado, é absolutamente gratuita e pode ser usada por qualquer utilizador.

A partir de relatórios pré-definidos, pode verificar o tráfego, identificar comportamentos dos visitantes, conferir o top de posts mais visitados, entre uma série de outras funcionalidades absolutamente imperdíveis.

Ainda assim, há quem não se adapte bem a esta ferramenta e tenha dificuldade em entender a evolução do seu website. Se passa muito tempo nesta plataforma e se sente frustrado por não encontrar o que realmente quer, leia com atenção o nosso post. Estamos prestes a revelar 5 truques Google Analytics para que consiga encontrar os relatórios mais importantes sem dores de cabeça.

5 truques Google Analytics para poupar tempo na análise

1 – Defina Metas

Assim que ligar o Google Analytics ao seu website, defina objetivos. Estes objetivos são necessários para termos acesso a relatórios de conversão, mostrando assim o sucesso do seu trabalho. É você mesmo que define os objetivos que quer atingir: leads, subscritores, vendas, entre outros.

O processo é muito simples e rápido:

1 – Clique na opção Administrador na barra superior;

2 – Na barra Visualizar, clique em Objetivos;

3 – Clique no botão Novo Objetivo;

4 – Escolha Personalizado e introduza o nome do Objetivo;

5 – Selecione a opção Destino na secção Tipo de objetivo”;

objetivo

6 – Nos Detalhes do Objetivo, introduza o link da página a que quer que os seus visitantes cheguem. Se o objetivo é medir o número de vendas, por exemplo, sugerimos que introduza aqui o link da página final de agradecimento;

7 – Ative a opção Valor e atribua um valor monetário para o objetivo. Trata-se de um valor simbólico como, por exemplo, 1 €;

8 – Ative a opção Funil e coloque o URL com o seu contacto, selecionando depois a opção Sim por debaixo da pergunta É obrigatório?

9 – Clique em Criar objetivo.

É um processo simples que vai garantir que o Analytics funciona em concordância com as necessidades do website.

2 – Escolha um Painel de Controle Pré Feito

Se por um lado beneficiamos com as centenas de relatórios que o Google Analytics nos apresenta, por outro lado podemo-nos sentir completamente frustrados quando navegamos por entre tanta informação relevante.

Felizmente, uma comunidade de analistas confrontou-se com os mesmos problemas e teve uma ideia interessante para resolver a questão. Ao selecionarem alguns dos relatórios mais importantes, combinaram-nos em interfaces mais simples, facilitando assim a leitura.

Para adicionar uma destas interfaces à sua conta Google Analytics, siga os passos que apresentamos em seguida:

1 – Na secção de Relatórios da sua conta Analytics, dirija-se ao separador Painéis e de seguida clique em Novo painel de controle;

2 – Selecione a hipótese Importar da galeria;

3 – Na Galeria, procure um painel de controle de que goste. Existem várias hipóteses que pode filtrar por avaliação e ainda por categoria;

paineis

4 – Assim que encontrar um painel de que goste, clique em Importar.

De imediato, pode ver os seus relatórios dentro da conta Google Analytics, com todos os dados relevantes para medir o desempenho do website.

 

MarketSamuraiBanner2

3 – Programe envios para e-mail

Ideal, ideal seria consultar os relatórios Analytics sem ter de se visitar a plataforma. Está a pensar que isso seria realmente agradável mas ao mesmo tempo impossível? Desengane-se. Além de ser possível, é muito simples: programe relatórios para que sejam enviados diretamente para o seu e-mail.

Para programar estes envios para o seu endereço eletrónico, basta seguir os passos que apresentamos abaixo:

1 – No Google Analytics, visite um determinado relatório que gostaria de receber via e-mail;

2 – Na barra superior, clique na opção que diz E-mail;

3 – Preencha os campos que lhe são pedidos, nomeadamente um endereço de correio eletrónico ou vários;

4 – Selecione a frequência com que quer receber os relatórios: diária, semanal, mensal, trimestral;

email

5 – Se quiser, pode introduzir uma mensagem;

6 – Para finalizar, basta clicar em Enviar.

Terminado este passo, basta esperar que os relatórios caiam no seu e-mail. Está a ver como é simples?

4 – Guardar atalhos

Para uma navegação ainda mais rápida, aconselhamos que crie atalhos para determinados relatórios do Google Analytics. Se, por exemplo, precisa de visitar o relatório de “Todo o Tráfego” diariamente, pode criar um atalho para que, ao entrar na plataforma, alcance com apenas um clique a informação pretendida.

atalho

Para criar estes atalhos, a única coisa que precisa de fazer é clicar no botão Atalho, que surge na barra superior, sempre que visitar um determinado relatório. Uma das principais vantagens deste sistema é que permite criar atalhos de relatórios que já tenham sido filtrados por si, evitando assim que repita todos os passos necessários para chegar a um determinado conjunto de dados.

5 – Quill Engage

E, por último, já conhece a Quill Engage? Se nunca ouviu falar desta ferramenta completamente gratuita, aponte já o nome porque a forma como analisa os resultados do seu website está prestes a mudar.

Quill-Engage-logo-March-2014

O que a ferramenta se propõe a fazer é pegar nos dados do Google Analytics para escrever um pequeno resumo que explica toda a informação recolhida. Não importa se são dados referentes ao tráfego e à sua origem, metas, conversões, referências e até mesmo comportamentos de determinados nichos da audiência. A Quill Engage faz a análise toda por si.

Após programar a ferramenta, os resumos do Analytics começam a chegar à sua caixa de correio eletrónico todas as semanas. Além de poupar tempo em longas investigações no Analytics, tem ainda a vantagem de disponibilizar informação textual que pode ser reencaminhada para todos os elementos da sua equipa de trabalho. Dê um salto na página da Quill Engage para começar a usar já este serviço gratuito.

Basta reservar meia hora do seu tempo para pôr todas estas dicas em prática. A partir daí em diante, não precisa de se preocupar mais com o Google Analytics. O trabalho processa-se automaticamente e tudo o que tem de fazer é esperar pelos resultados. Uma excelente forma de otimizar o seu tempo e trabalho.

LEIA AGORA MAIS ARTIGOS INTERESSANTES RELACIONADOS COM O GOOGLE ANALYTICS:

Como usar o Google Analytics no seu website

Implemente Relatórios de Análise personalizados no Analytics

O que são os funis multicanal do Google Analytics?

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
Blog Mário Caetano

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]