Home / Jornalismo Digital /

Internet faz parte do dia-a-dia de cerca de metade dos portugueses

Internet faz parte do dia-a-dia de cerca de metade dos portugueses

 

Os números não deixam sombra para dúvidas e parecem fazer crer que os portugueses estão cada vez mais ligados à Internet. De acordo com um inquérito Eurobarómetro, 48% da população nacional acede à Internet diariamente, seja por trabalho ou diversão.

Os dados revelam um crescimento gradual de 10 pontos percentuais em relação a 2013, mas ficam ainda assim longe de alcançar a média dos estados membros da União Europeia, fixada nos 63%. E apesar do aumento significativo, a verdade é que existe um grupo de 10% de portugueses afirma nem sequer possuir uma ligação à Internet.

O estudo revelou que, dentro do grupo que acede à Internet, 93% utiliza maioritariamente o computador. Não podemos, no entanto, deixar de referir que as novas formas de aceder à informação estão a ganhar terreno. Falamos, obviamente, dos dispositivos móveis.

Assim sendo, o smartphone e o tablet surgem em segundo e terceiro lugar, respetivamente, com valores  de 38% e 22%. Devemos referir que é precisamente nesta área que se acentua a diferença entre os portugueses e os europeus. De acordo com o inquérito, a média fixada é de 61% para os smartphones e de 30% para os tablets.

O Eurobarómetro prevê uma forma pouco usual de aceder à Internet e revelou ainda a que cerca de 3% da população nacional utiliza o próprio televisor para navegar. Embora também na Europa a força deste equipamento ainda não seja assinalável, a verdade é que a média já se fixa nos 11%.

Seguindo a tendência da União Europeia, a população nacional regista uma grande atividade no que diz respeito ao correio eletrónico: 82%, comparados com os 86% europeus.

Já no que toca às redes sociais, parece que somos campeões. Basta olhar para os números para verificar que Portugal se coloca na dianteira, com 76% de utilização, em comparação com, a média europeia que se fica pelos 60%.

Por último, o estudo mostrou ainda que 55% lamentam não estarem bem informados sobre os perigos da Internet. O número é ligeiramente superior aos valores médios europeus que se fixam nos 50%.

 

Ao longo do inquérito do Eurobarómetro foram ouvidos 1002 portugueses, de um universo de 27 868 pessoas que fazem parte de países da União Europeia. Os dados foram recolhidos entre 12 e 20 de outubro de 2014.

LEIA AGORA OUTROS ARTIGOS RELACIONADOS NO NOSSO BLOG:

Portugueses passam mais tempo na Internet do que a ver TV

Ainda não tens o Livro 8Ps do Marketing Digital?

E-commerce: um fenómeno cada vez mais português

E-Book para Bloggers
   

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]