Home / 3º P - Produção /

As 9 linguagens de programação mais procuradas pelas empresas

As 9 linguagens de programação mais procuradas pelas empresas

Share this article

 

Com o crescimento da tecnologia e com o surgimento de realidades como, por exemplo, o metaverso, começam a surgir aquelas que são as linguagens de programação mais procuradas pelas empresas para satisfazer as suas necessidades.

Seja por causa do desenvolvimento de softwares ou por causa dos salários atrativos, muitos são aqueles que, em pleno século XXI, procuram integrar esta área em constante crescimento.

Contudo, qual deve ser a linguagem de programação que se deve apostar? De modo a ajudá-lo, nós mostramos-lhe as principais.

Como pode aprender as linguagens mais procuradas pelas empresas?

Apesar de ser possível aprender através de livros ou de forma autodidata, sem dúvida que um curso de programação é a melhor forma de começar, sobretudo se não tem conhecimentos em linguagens de programação.

Deste modo, contará com o apoio de professores que irão ajudá-lo a adquirir, entre outros, bons hábitos de programação.

Além disso, conseguirá não só aprender, como também aperfeiçoar o que vai adquirindo ao longo do curso, estando pronto a integrar o mercado de programação.

As 9 linguagens de programação mais procuradas do mercado

Antes de tudo, é importante frisar que, qualquer conhecimento sobre qualquer linguagem de programação, é muito bem-vindo. Porém, por si só não basta. Atualmente, é importante não só saber, como também aprimorar o que já se sabe com o seu uso.

Cientes disso, o site Analytics Insight criou uma lista com os 9 códigos que os futuros programadores devem saber para conseguirem um bom emprego no setor. Continue a ler para saber quais são:

1. Python

Esta é, sem dúvida, uma das linguagens mais fáceis para quem quer se inicia na área da programação. Porquê? Porque conta com inúmeros frameworks e bibliotecas de classes e funções. Além disso, esta é uma linguagem que tem crescido nos últimos anos, tudo graças ao seu uso em diversas aplicações.

2. C#

Semelhante às outras linguagens da família C, o C# continua a ser uma das linguagens de programação mais procuradas do mercado. Afinal, esta linguagem continua a ser utilizada, por exemplo, em aplicações web e mobile, assim como no desenvolvimento de jogos.

3. C++

Ainda sem sair da família da linguagem de programação C, há outra que se destaca, sobretudo por causa do metaverso: o C++.

Na maioria das oportunidades de emprego no metaverso analisadas a nível mundial, todas pedem que os candidatos tenham experiência com a Unreal Engine, desenvolvida pela Epic. Ora acontece que o código da Unreal é escrito em C++. Por isso, aqui está uma oportunidade para quem quer seguir uma carreira na área da programação para o metaverso.

4. JavaScript, umas das linguagens de programação mais procuradas atualmente

Falar da Internet como a conhecemos só é possível graças ao JavaScript, a única que apresenta leveza no processamento das aplicações que utilizem esta linguagem.

Além de ser uma das linguagens mais procuradas e populares do mercado, o facto do Node.JS sofrer constantes melhorias e melhor integração ao JavaScript, faz com que esta linguagem seja cada vez mais utilizada em programação front-end e back-end de softwares.

5. Java

Mesmo após 30 anos da sua criação, o Java continua a ser usado como linguagem de programação de servidores na maioria dos projetos a nível mundial, incluindo os que incluem big data ou o desenvolvimento de aplicações para Android.

6. Scala

Se porventura o Java não servir, existe a Scala. Além disso, conta com diversas funcionalidades de códigos de desenvolvimento funcional, permitindo a execução de tarefas de correspondências de padrões. Deste modo, é possível avaliar se a sintaxe é a ideal para o software em desenvolvimento.

7. R

Se o seu objetivo for trabalhar na análise de dados e desenvolvimento de softwares estatísticos, então a linguagem de programação R é a que tem de aprender.

Junto das startups, os profissionais que tiverem experiência a escrever este código serão vistos como uma mais-valia. Porquê? Porque assim podem ter à sua disposição quem lhes crie ferramentas de controlo e análise de informações.

8. Kotlin, uma das linguagens de programação cada vez mais procuradas pelas empresas

Graças à sua interoperabilidade com o Java, o Kotlin tem-se tornado numa das linguagens de programação mais procuradas pelas empresas, tudo porque permite adicionar mais ferramentas em aplicações escritas noutras linguagens.

Uma vez que tem compatibilidade com a Biblioteca de Classes Java, o Kotlin tem uma sintaxe parecida, ajudando a que quem a aprenda e tenha conhecimentos de Java, conseguia ter um processo de aprendizagem muito mais rápido.

9. Objective-C

Quando o C++ foi lançado, criou-se também o Objective-C, uma versão do C mas com foco no objeto.

Embora esteja a ser substituída pelo Swift, o Objective-C foi, em tempos, muito utilizado pela Apple.

POSTS RELACIONADOS

 

Share this article

Leave a comment

Your email address will not be published.