Home / Comércio Eletrónico /

Amazon Go: o que podemos esperar dos supermercados do futuro?

Amazon Go

Amazon Go: o que podemos esperar dos supermercados do futuro?

Share this article

site auditing tools     

No início do milénio, o comércio eletrónico começou a banalizar-se e a entrar nos nossos hábitos de consumo. Não foi uma jornada totalmente fácil, dado os desafios que teve de encarar para derrubar todas as barreiras que separavam o consumidor do produto que desejava comprar: cartões de crédito, medo de burla, extravios no envio de encomendas… enfim, uma série de peripécias que desmotivaram muitos consumidores a fazer os cliques finais para fechar as suas encomendas online.

No entanto, em pleno ano de 2017 o comércio eletrónico prolifera, registando taxas de vendas cada vez mais altas. Em julho de 2016 soube-se que Portugal, por exemplo, está a crescer acima da média europeia no que diz respeito a comércio eletrónico, conforme mostram as conclusões finais do mais recente Relatório de eCommerce B2C da eCommerce Europe Association, realizado pela eCommerce Foundation. Entretanto, no Brasil, vendeu-se mais de 1,9 mil milhões de reais no passado dia 14 de mãe – data em que se celebra Dia da Mãe – o que resulta num crescimento nominal de 16% face ao mesmo período em 2016.

Mesmo assim, enquanto produtos como livros, álbuns, roupa e sapatos continuam a ser os líderes de vendas das lojas online, a verdade é que não nos passaria pela cabeça que o tipo de comércio tradicional se pudesse encaixar em sites como a Amazon.

E se da próxima vez que fosse ao supermercado pudesse colocar tudo no carrinho de compras e não enfrentar filas de pagamento? Bem, é mais ou menos assim que a Amazon Go está a olhar para o futuro.

Como bem sabemos, a Amazon foi uma das empresas que revolucionou as compras on-line e prepara-se para fazer o mesmo com os espaços físicos. Na base desta mudança está um conceito do supermercado sem caixas registadoras chamado Amazon Go.

50% of your traffic is mobile - is your WordPress website ready?
 

Aqui existem apenas pórticos que se abrem quando passa um código QR, guardado no seu smartphone, num leitor que fica à entrada da loja. Depois, basta pegar no que quiser e dirigir-se à saída. Todos os produtos que tirar da prateleira, e levar consigo, são automaticamente adicionados a um carrinho de compras virtual e debitados na sua conta Amazon.

De acordo com a Amazon, isto será possível graças a uma tecnologia que junta sensores e um algoritmo para criar um sistema “semelhante ao que se encontra nos automóveis inteligentes”. A companhia não apresentou grandes detalhes, mas esclareceu que esta tecnologia se chama ‘just walk technology’ (em tradução livre, ‘tecnologia para pegar e andar’) e promete revolucionar os supermercados do futuro.

Se mudar de ideias em relação a um produto, enquanto estiver a fazer as suas compras, basta voltar a colocar o mesmo na prateleira correspondente para que este seja retirado do seu carrinho de compras virtual.

Para já, o único supermercado Amazon Go que existe no mundo fica em Seattle, nos EUA, e está apenas aberto para funcionários da empresa, uma vez que decorre um período de testes.

POSTS RELACIONADOS

 

Share this article

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *