Home / Estratégia Digital /

Conheça o primeiro website da história da Internet

Conheça o primeiro website da história da Internet

 

A Internet mudou o mundo: computadores, tablets e smartphones invadiram o dia-a-dia e são encarados como algo natural por todos aqueles que já nasceram na Era Digital. Mas, afinal, como seria o primeiro website da história da Internet?

O que nem todos sabem é que a Internet nem sempre teve a forma que hoje reconhecemos. O primeiro website só surgiu em 1991, décadas depois de engenheiros militares norte-americanos terem criado a ARPANET.

Chamar a página de site é algo que nos dias de hoje causa até alguma estranheza. Estavamos, então, no dia 6 de agosto e era inaugurada a World Wide Web (WWW). Clique aqui para ver o aspeto e o conteúdo daquele que era o primeiro passo para que a Internet se tornasse num fenómeno globalizado e facilmente acessível.

Os objetivos da World Wide Web

Como se pode ler, o objetivo inicial passava pela criação de um universo de documentos HTTP que poderiam ser acedidos por todos. A maior novidade estava na introdução de hipertexto, ou seja, ligações que faziam com que as páginas se relacionassem entre si, criando websites complexos. A primeira imagem só foi colocada online um ano depois, já em 1992.

Esta revolução histórica que mudou para sempre os hábitos do Homem foi assinada por Tim Berners-Lee, um jovem cientista que trabalhava no CERN (Organização para a Pesquisa Nuclear). O inglês estava, no entanto, longe de imaginar o quão rápido seria o sucesso da WWW e como ao longo do tempo esta viria a fazer parte da vida de milhares de milhões de pessoas.

A Internet entrou pelas casas pessoas e deu origem a fenómenos de comunicação sem precedentes. Falemos, por exemplo, das Redes Sociais ou o universo da Blogosfera que vieram romper com conceções antigas e mudar os vários campos da vida humana, desde a política às formas de relacionamento.

O salto para o futuro

De páginas estáticas com apenas texto e hiperligações, passamos para websites completos, recheados com elementos multimédia, desde imagem,  a vídeo e infografias dinâmicas. Dava-se, então, início ao período da Web 2.0. A mudança ocorreu à velocidade de um clique e a verdade é que hoje também este conceito já se encontra ultrapassado.

Atualmente vivemos na era da Web 3.0. Além da importância da multimédia, mudaram-se os papéis de produtores de informação e criou-se um sistema de interatividade constante, onde as pessoas expressam a sua opinião e inclusive criam os seus próprios sites.

Rapidamente as empresas viram aqui uma oportunidade para expandir negócios. No mundo do marketing surgiram novos paradigmas e, hoje em dia, não estar online é quase o mesmo que não existir. A prova está na mudança dos comportamentos de compra por parte dos consumidores que, antes de comprarem o que quer que seja, procuram no Google e comparam características e preços.

 

Serviços de alojamento web estão agora disponíveis online e permitem a qualquer um, em nome individual ou de uma empresa, colocar o seu próprio site online de forma simples e fácil.

Falemos, por exemplo, do Media Temple que desafia todos os que conhecem a primeira página da WWW a estarem constantemente atentos às mudanças introduzidas todos os dias na Internet e atualizarem as suas páginas.

A empresa oferece uma vasta gama de soluções que se ajustam às diferentes necessidades de quem não sabe como comprar domínio. Entre os serviços prestados, encontram-se soluções de Hosting WordPress, Shared Hosting, VPS Hosting, Fully Managed VPS Hosting e Alojamento Dedicado.

LEIA AGORA OUTROS ARTIGOS INTERESSANTES SOBRE WEBSITES:

Top 10 de templates WordPress para blogs e publicações online

Top 10 de templates de e-commerce para WordPress

Os 10 melhores plugins WordPress

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
8ps

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]