Home / Estratégia Digital /

Conheça o primeiro website da história da Internet

Conheça o primeiro website da história da Internet

 

A Internet mudou o mundo: computadores, tablets e smartphones invadiram o dia-a-dia e são encarados como algo natural por todos aqueles que já nasceram na Era Digital. Mas, afinal, como seria o primeiro website da história da Internet?

O que nem todos sabem é que a Internet nem sempre teve a forma que hoje reconhecemos. O primeiro website só surgiu em 1991, décadas depois de engenheiros militares norte-americanos terem criado a ARPANET.

Chamar a página de site é algo que nos dias de hoje causa até alguma estranheza. Estavamos, então, no dia 6 de agosto e era inaugurada a World Wide Web (WWW). Clique aqui para ver o aspeto e o conteúdo daquele que era o primeiro passo para que a Internet se tornasse num fenómeno globalizado e facilmente acessível.

Os objetivos da World Wide Web

Como se pode ler, o objetivo inicial passava pela criação de um universo de documentos HTTP que poderiam ser acedidos por todos. A maior novidade estava na introdução de hipertexto, ou seja, ligações que faziam com que as páginas se relacionassem entre si, criando websites complexos. A primeira imagem só foi colocada online um ano depois, já em 1992.

Esta revolução histórica que mudou para sempre os hábitos do Homem foi assinada por Tim Berners-Lee, um jovem cientista que trabalhava no CERN (Organização para a Pesquisa Nuclear). O inglês estava, no entanto, longe de imaginar o quão rápido seria o sucesso da WWW e como ao longo do tempo esta viria a fazer parte da vida de milhares de milhões de pessoas.

A Internet entrou pelas casas pessoas e deu origem a fenómenos de comunicação sem precedentes. Falemos, por exemplo, das Redes Sociais ou o universo da Blogosfera que vieram romper com conceções antigas e mudar os vários campos da vida humana, desde a política às formas de relacionamento.

O salto para o futuro

De páginas estáticas com apenas texto e hiperligações, passamos para websites completos, recheados com elementos multimédia, desde imagem,  a vídeo e infografias dinâmicas. Dava-se, então, início ao período da Web 2.0. A mudança ocorreu à velocidade de um clique e a verdade é que hoje também este conceito já se encontra ultrapassado.

Atualmente vivemos na era da Web 3.0. Além da importância da multimédia, mudaram-se os papéis de produtores de informação e criou-se um sistema de interatividade constante, onde as pessoas expressam a sua opinião e inclusive criam os seus próprios sites.

Rapidamente as empresas viram aqui uma oportunidade para expandir negócios. No mundo do marketing surgiram novos paradigmas e, hoje em dia, não estar online é quase o mesmo que não existir. A prova está na mudança dos comportamentos de compra por parte dos consumidores que, antes de comprarem o que quer que seja, procuram no Google e comparam características e preços.

 

Serviços de alojamento web estão agora disponíveis online e permitem a qualquer um, em nome individual ou de uma empresa, colocar o seu próprio site online de forma simples e fácil.

Falemos, por exemplo, do Media Temple que desafia todos os que conhecem a primeira página da WWW a estarem constantemente atentos às mudanças introduzidas todos os dias na Internet e atualizarem as suas páginas.

A empresa oferece uma vasta gama de soluções que se ajustam às diferentes necessidades de quem não sabe como comprar domínio. Entre os serviços prestados, encontram-se soluções de Hosting WordPress, Shared Hosting, VPS Hosting, Fully Managed VPS Hosting e Alojamento Dedicado.

LEIA AGORA OUTROS ARTIGOS INTERESSANTES SOBRE WEBSITES:

Top 10 de templates WordPress para blogs e publicações online

Top 10 de templates de e-commerce para WordPress

Os 10 melhores plugins WordPress

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
Mídia Kit Blog Estratégia Digital

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

[instagram-feed]